All posts filed under: Pets

Inacreditável

Não consigo perceber, a sério, para bem da minha sanidade mental, pelo menos no meu caso só que eu devo ser de facto uma pessoa muito estranha, quando sinto que alguém não gosta de mim ou quando eu por ter as minhas razões não gosto de alguém, sim, porque eu não sou daquelas pessoas que não gosta de alguém sem uma razão, cada pessoa que afastei da minha vida sabe os motivos, sem sombra de dúvidas, por mais que os guarde para si, mas como dizia, quando o sinto, essa necessidade de me proteger afasto-me, simples. Não há motivos para manter alguém nas nossas vidas se simplesmente não existe a mais pequena amizade de ambas as partes, e ainda que não haja uma inimizade, que me resta mais fazer do que dizer apenas olá e seguir com a minha vida? Se não há tema de conversa, assunto ou coisas em comum porque é que eu hei de fazer conversa com x pessoa só porque é a pessoa importante do sitio x? Vejo-me dos dois lados …

Omnipotente

Há dias em que o peso do mundo cai-me nas costas, dias solarengos lá fora e cinzentos na alma. Há dias em que quero só fugir deste mundo na esperança que haja outro melhor, com pessoas melhores lá dentro, com gente com alma, com sangue e carácter entranhados no corpo, para compensar toda a maldade, toda a falta de humanidade que existe deste lado. Há dias em que nao quero sair á rua porque tenho medo do que possa encontrar mas que dentro de casa as memórias de dias anteriores assombram e isolam-me ainda mais. Há dias em que quero acreditar que existe Deus, mas nao um desses deuses que inventaram, que serve de desculpa para tudo, um Deus a sério, bom com todos nós, que respeite todas as formas de vida e queira o bem a todos por igual. E nesses dias quero abraçá-lo e que esse abraço dê-me forças para continuar num mundo de sombras e pessoas más. Há dias em que é preciso chorar porque carrego toda uma desilusão com a humanidade, …

O que fica

Viemos por ti, foi tarde sim, mas viemos, vim na esperança de vir a tempo, mas não aconteceu.Não existem bons momentos para perder alguém, mas perdi-te no pior momento, não estava lá, não podia estar, e tu foste-te embora sozinho, mais uma vez eu não estava ali para te proteger e fazer sentir-te um pouco melhor num momento difícil.É a pensar em ti que às vezes desejo que exista um depois, porque tu merecias conhecer algo que não fosse a vida que viveste, também merecias poder esquecer o que sofreste e isso, esquecer, talvez remediasse alguma da culpa que sinto por teres sido infeliz. Sei que não tem solução, sei que vou lembrar-me de ti para sempre e sei que mereço isso, viver com essa culpa, foi responsabilidade minha, querendo ou não, fui eu que te trouxe para a minha vida e criei um caos na vida de um anjo.Vamo-nos embora meu amor, agora que não estás aqui é altura de ir, depois de teres morrido tentámos segurar as pontas, manter a chama, mas tu …

Equilíbrio

Há uns meses atrás disseram-me, sem pedir a minha opinião, sem que o assunto entrasse em contexto que eu estava com uns quilinhos a mais, sorri e ignorei mas depois fiquei a remoer o que tinha ouvido, devia ter respondido é claro, mas na altura o querer “sobreviver” aquela situação falou mais alto e limitei-me a encolher os ombros um tanto envergonhada. Engraçado é que nunca me senti tão bem na minha vida, tinha as curvas que sempre quis, sem querer de repente tinha conseguido o peso que tantos anos levei a ganhar, sentia-me bem e feliz porque finalmente tinha deixado um trabalho onde me sentia presa e resolvido grande parte dos meus problemas, tudo estava bem, até estava a pensar em voltar ao ginásio, não para perder peso mas para tonificar pois sempre gostei de ter um corpo bem definido e saudável. Mas faltava alguma coisa e eu percebi que era isso, livrar-me dos comentários impertinentes, sentir-me livre e preparada para dar azo aos projectos novos, era isso que faltava. Tudo para dizer que …

Exfolianteeeees!

Oh meu Deus, este foi o meu auxiliar de beleza e autoconfiança nos tempos mais difíceis, e o mais engraçado é que nem precisa de ser caro. Cá entre nós, sem ser de pró para humanidade leiga porque para leiga já basto eu fora o facto de ouvir muito bem o que a minha pele pede, os exfoliantes caíram do céu para ajudar quem não tem uma pele assim tãaao perfeita… Ou seja? Todas nós? Desde deixar a pele mais uniforme, ou seja, remover aquelas pequenas borbulhas pelas costas e pelo peito, ajudar a remover pelos encravados até ao culminar de uma pele extra suave e brilhante! É vestir a roupa e sentir que têm a pele tão macia que até o toque do tecido na pele é diferente, acreditam? Ficam por aqui umas sugestões dos meus favoritos!

Porquê??

Uma das coisas que não consigo de forma nenhuma conceber, é o facto de os animais, por mais que a lei tenha evoluído (a passo muito lento convenhamos) ainda serem considerados de facto coisas pela nossa sociedade. São poucos, são poucos aqueles até que os têm em casa e percebem que os animais são e devem ser parte importante da nossa família, que necessitam de cuidados e atenção. Não consigo ignorar quando alguém diz “é só um cão“… Não, não é só um cão, é um cão, é alguém com vida, sentimentos, necessidades e afectos, e é essa a palavra bonita que significa ser cão. Mas ainda vivemos num Portugal onde um cão é só um cão, e assim, não vamos longe ou pelo menos não avançamosà velocidade a que seria preciso.