Day: 24 de Julho de 2021

Pesar os alimentos

Não me armando em nutricionista mas sim contente pelo que vou aprendendo sobre o meu corpo, o último aprendizado foi da importância que tem pesar os alimentos antes de comer e a proporcionalidade entre a quantidade de proteína, de hidratos e hortícolas no meu prato. Em uma semana consegui resultados que não consegui em um mês a ir ao ginásio umas 5 vezes por semana, incrível quando dizem que os nossos resultados dependem 20% do nosso treino e 80% da nossa alimentação!Incrível porque quando digo que consulto uma nutricionista a maioria das pessoas diz que é um desperdício de dinheiro, eu não acho nada, acho até que quando consegui os melhores resultados de performance desportiva e estéticos foi quando tinha as consultas rotineiras de uma nutricionista desportiva que me guiou na melhor forma de me alimentar e suplementar consoante o meu metabolismo, treino e rotinas diárias! Nós podemos pensar que sabemos comer mas não sabemos, precisamos de exames, de saber como está a funcionar o nosso corpo, de ouvir o que diz a nossa balança …

Equilíbrio

Há uns meses atrás disseram-me, sem pedir a minha opinião, sem que o assunto entrasse em contexto que eu estava com uns quilinhos a mais, sorri e ignorei mas depois fiquei a remoer o que tinha ouvido, devia ter respondido é claro, mas na altura o querer “sobreviver” aquela situação falou mais alto e limitei-me a encolher os ombros um tanto envergonhada. Engraçado é que nunca me senti tão bem na minha vida, tinha as curvas que sempre quis, sem querer de repente tinha conseguido o peso que tantos anos levei a ganhar, sentia-me bem e feliz porque finalmente tinha deixado um trabalho onde me sentia presa e resolvido grande parte dos meus problemas, tudo estava bem, até estava a pensar em voltar ao ginásio, não para perder peso mas para tonificar pois sempre gostei de ter um corpo bem definido e saudável. Mas faltava alguma coisa e eu percebi que era isso, livrar-me dos comentários impertinentes, sentir-me livre e preparada para dar azo aos projectos novos, era isso que faltava. Tudo para dizer que …

Exfolianteeeees!

Oh meu Deus, este foi o meu auxiliar de beleza e autoconfiança nos tempos mais difíceis, e o mais engraçado é que nem precisa de ser caro. Cá entre nós, sem ser de pró para humanidade leiga porque para leiga já basto eu fora o facto de ouvir muito bem o que a minha pele pede, os exfoliantes caíram do céu para ajudar quem não tem uma pele assim tãaao perfeita… Ou seja? Todas nós? Desde deixar a pele mais uniforme, ou seja, remover aquelas pequenas borbulhas pelas costas e pelo peito, ajudar a remover pelos encravados até ao culminar de uma pele extra suave e brilhante! É vestir a roupa e sentir que têm a pele tão macia que até o toque do tecido na pele é diferente, acreditam? Ficam por aqui umas sugestões dos meus favoritos!